O mundo foi totalmente modificado e pego de surpresa pela pandemia do novo Coronavírus (COVID-19) e consequentemente não é possível saber como ele ficará e quando voltará a normalidade. Isso nos estimulou a repensar nossos hábitos e modo de vida.

Visando este momento listamos 5 dicas para organizar uma viagem pós-pandemia.

1. Visite o Brasil

Após esta pandemia o turismo nacional voltará com mais força. Muitos viajantes já começaram a trocar a ideia de curtir o verão no Caribe para desfrutar das incríveis praias brasileiras.

No Brasil sempre há uma cidade interessante, com uma cultura rica para conhecer e ter a oportunidade de desfrutar de um roteiro personalizado de acordo com o gosto e bolso de cada viajante.

Esta é a grande proposta para a retomada das viagens, apostar no turismo local e fortalecer a economia do nosso país.

2. Procure por uma Agência de viagens

 Neste momento em que vivemos fechar uma viagem através de uma agência de viagens traz uma maior segurança. Os viajantes têm valorizado mais as agências de viagem, pois neste tempo o cuidado com o cliente e atendimento personalizado é essencial. Seja na hora do planejamento da viagem dos sonhos, ou na assistência na hora da crise que podem ocorrer em determinadas situações. É de extrema importância avaliar onde e com quem a viagem está sendo fechada, sem levar em conta apenas o valor. É necessário conferir se a agência é confiável e é capaz de fornecer aquilo que o viajante precisa.

Conferir se a empresa é transparente em relação às novas condutas de higiene é de suma importância.

3.       Destinos ao ar livre

Estar ao ar livre nunca foi tão desejado e valorizado como agora. Sem dúvidas, destinos ao ar livre, com foco na natureza, no turismo sustentável ou de aventura, praias, cachoeiras, lagos e trilhas são uma grande aposta para a retomada do mercado de viagens.

Não há quem não sonhe com a volta à normalidade, por isso os viajantes não investirão em qualquer destino, mas destinos com foco na exclusividade onde seja possível evitar aglomerações e estabelecer conexão com a natureza. Relaxar e desfrutar com mais intensidade dos momentos é o que buscam os viajantes daqui pra frente.

4.       Staycations

Staycation é um termo conhecido pela maioria dos brasileiros, mas está em maior evidência no cenário atual em que vivemos. Trata-se de passar as férias em casa ou locais a uma curta distância de carro participando de atividades de lazer. É o famoso turismo bate-volta.

Existe uma tendência no meio dos viajantes que os leva a atribuir um valor turístico apenas a lugares distantes, enquanto o Staycation leva o turista a sentir-se mais pertencente a sua própria cidade, proporcionando experiências únicas e incríveis localmente.

O turismo local viabiliza muitos benefícios ao turista como um conhecimento mais profundo sobre sua própria cultura, terá gastos mais enxutos já que você poderá dormir em sua própria casa, irá se surpreender com locais que você nem imaginava existir próximo a você.

5.       Escolha empresas e locais com o Selo Turismo Responsável

O Ministério do Turismo lançou o selo Turismo Responsável, um programa que estabelece boas práticas de higienização para cada segmento do setor. O selo é um incentivo para que os viajantes se sintam seguros ao viajar e frequentar locais que cumpram protocolos específicos para a prevenção da Covid-19, posicionando o Brasil como um destino protegido e responsável. 

Você sabia que a Premier Turismo possui o Selo Turismo Responsável? Entre em contato conosco e descubra quais os países que estão abertos para visitação. 🙂