Com a chegada do fim de ano, as tradicionais festas de confraternização das empresas passam a ser um assunto recorrente entre os colaboradores. Por ser um momento especial, que geralmente marca a conclusão de um ciclo nas operações, esse encontro cria um clima de descontração, alegria e animação. No entanto, a pandemia da Covid-19 trouxe muitas dúvidas acerca desse tipo de evento em 2020.  

Na última sexta-feira (4), por exemplo, a Prefeitura de Curitiba alinhou-se com as orientações do Governo do Paraná e proibiu por duas semanas a realização de eventos com mais de 10 pessoas. Essa decisão, em pleno mês de dezembro, acompanha o toque de recolher noturno no mesmo período, que também começou a valer na semana passada. 

Então, com essas novas medidas, como é possível adequar sua festa de confraternização? Bem, a opção mais viável no cenário que estamos vivendo é a virtual, já que o mais importante é que seja seguro para todos. Segundo o levantamento realizado pela Eventbrite, houve um crescimento global de mais de 2.000% de eventos online em 2020, comparado com 2019. Só em eventos com foco em negócios, o aumento foi de 1.100%.

Ou seja, o virtual já está no cotidiano das pessoas. Porém, como tornar inesquecível? Preparamos algumas dicas para que sua reunião virtual seja um sucesso. Confira! 

Conheça o perfil dos colaboradores

Se os planos da sua empresa ainda contavam com a possibilidade de encontros presenciais, a migração para o ambiente virtual terá que ocorrer e depende de uma boa organização. Para isso, a equipe responsável pelo encontro deve detectar os eventos mais interessantes para todos com base em seu perfil. Não adianta marcar um karaokê online, por exemplo, se ninguém gostar de cantar. 

Além disso, também é importante deixar o convite aberto aos colaboradores, reforçando depois de alguns dias, e não pressionar nenhum deles. Afinal, a participação deve ser voluntária. Ou seja, independentemente da atividade proposta, a decisão deve ficar a cargo do funcionário.

Prepare o clima para o evento

Para que todos se mantenham entretidos na festa de confraternização por videochamada uma ideia é mandar previamente para os colaboradores um kit com bebidas e comidas oferecidas pela empresa. Isso certamente já deixará os participantes animados com o momento!

E para aproveitar algumas horas de descontração e garantir a diversão de todos, algumas dinâmicas podem ser uma ótima saída para integrar os colaboradores, como listamos abaixo:

Que história é essa?

Pra quebrar o gelo, comece propondo essa brincadeira. Inspirada no programa “Que História é Essa, Porchat?” de Fábio Porchat na GNT, a ideia é contar histórias peculiares e divertidas dos colaboradores. Então junte o pessoal para cada um mostrar alguma foto importante e a história por trás dela, por exemplo. Essa pode ser uma maneira divertida de humanizar seus colaboradores e de conhecê-los mais a fundo.

Quiz com perguntas sobre a empresa

A cultura da empresa é algo muito importante e que determina o caminho que ela irá seguir. Uma forma de reunir diversão e conhecimento é promovendo um jogo de perguntas e respostas sobre a história da empresa. Mas é importante que as questões sejam elaboradas levando em consideração informações que já tenham sido divulgadas e que sejam de conhecimento de todos. Pra finalizar a brincadeira, que tal premiar quem acertar mais respostas com uma divertida viagem de incentivo?

Mantenha a conversa leve  

Considere manter durante a conversa algumas questões que vão além da pandemia, como: O que você estava adiando e agora teve tempo para fazer? Qual foi a coisa mais engraçada que te distraiu no trabalho remoto? Qual é a pessoa mais engraçada da empresa? 

Do mesmo jeito, tente desviar de tópicos associados às ansiedades, medos, finanças e, principalmente, política. Lembre a todos que, apesar de ser um momento em que líderes e equipes estão ainda mais próximos, o ambiente é de comemoração e não de uma reunião de feedback ou de plano de ação para o próximo ano.

Termine em alta

Encerre a conversa quando ainda estiver boa, assim vocês terão uma razão para marcar um próximo happy hour virtual logo.

O importante é celebrar! 

Como vimos, é possível manter a tradição de realizar festas de confraternização de empresas, mesmo em meio a uma pandemia. Além disso, essas interações estimulam a criatividade, geram diversão e garantem a aproximação dos times.

Uma dica que pode valorizar ainda mais a festa é contratar uma empresa especializada para auxiliar nesta produção. Com isso, é mais viável criar uma experiência completa para os colaboradores, cuidando de toda a jornada do encontro, pré, durante e pós-evento, desde a produção do ambiente virtual até a transmissão. Esse toque profissional pode fazer com que a sua festa seja inesquecível. 

Leia também: